Entrevistas

Mystica Girls a força latina feminina no mundo Underground

As mexicanas da Mystica Girls concederam uma entrevista exclusiva para o Line Rockers contando um pouco de suas experiências, carreira e futuro.

O quarteto underground Mystica Girls vindo diretamente do México, entende muito de Heavy Metal e é liderado por Cinthya Blackcat. A banda concedeu uma entrevista exclusiva para o Line Rockers contando um pouco de suas experiências, carreira e futuro.

Para relembrar um pouco do início da banda, confira aqui a matéria que explica a trajetória de Cinthya Blackcat, Yolanda Moreno, Bianka Garcia e Andrea Qatrina: http://linerockers.com.br/mystica-girls/

As Latinas da Mystica Girls

As Latinas da Mystica Girls

Confira a entrevista na integra com a Mystica Girls

Quando foi tomada a decisão da Banda Mystica se tornar Mystica Girls e ter composições próprias?
Mystica Girls: Em 2007, nós já levávamos como 2 anos tocando covers e decidimos que queríamos tomar o caminho de uma banda com um projeto original, e foi aí que começamos a experimentar e escrever canções.

Qual a sensação de ser finalista do Concurso heavy metal Wacken Open Air México em 2006?
Mystica Girls: Em 2006 tivemos uma oportunidade de nos apresentar em um concurso de covers chamado Transfusão de Rock de 2006, nesse concurso nós fomos finalistas, como na batalha de bandas para Wacken em 2008, a gente sempre ficou contente de estar “rankeando” entre os grupos finalistas, também fomos finalistas em uma batalha de Hard rock Café em 2011.

De Gates of Hell qual composição considera mais marcante e porquê?
Mystica Girls: Todas as músicas sempre são únicas pra nós, cada uma vai sempre adicionar alguns elementos que acreditamos ser certo para cada canção, não gostamos de ser repetitivas nas composições, há músicas que não tem solos e há outros tecnicamente exigentes, todos têm uma mensagem especial.

Já sofreram preconceito por serem uma banda feminina?
Mystica Girls: Temos notado o padrão de que não nos tomamos conta e que devemos ser mais rigorosas na qualidade musical, porque as pessoas sempre julgam que o sucesso da nossa banda é mais pela imagem que nós lidamos do que com a música que o grupo oferece. Nós nos sentimos realizadas com o que a banda alcançou sem modificar nossos padrões de comportamento, que nos fazem 2 faces por parte do público.

Como está a agenda de Shows para 2017?
Mystica Girls: Temos uma série de apresentações em todo o México e estamos totalmente focadas em lançar o DVD que gravamos no dia 11 de fevereiro no Circo Volador do nosso disco Veronica la Cortesana del Infierno, e também estamos mais focadas em tratar de conseguir datas a nível internacional, como uma banda independente tem sido difícil para nós adquirir efetivamente tudo que se precisa para obter o máximo de datas em outros países, por isso estamos nos concentrando em encontrar oportunidades em qualquer lugar do mundo além do México.

Tem planos de vir para o Brasil fazer shows?
Mystica Girls: É isso mesmo, nós escrevemos para alguns promotores que gerenciam as bandas mexicanas mas infelizmente não conseguiram realizar algo, nós continuamos a trabalhar para buscar contatos interessadas em fazer um show com a gente.

Como é a relação da banda com os fãs?
Mystica Girls: Muito boa, podemos dizer que somos agradecidas e estamos conscientes de que, graças ao apoio de nossos fãs temos alcançado muitos objetivos ao longo da nossa história, e quando existe alguma oportunidade nos sempre demonstramos o quão agradecidas nós somos.

Planejam um novo disco ou videoclipe para esse ano ou 2018?
Mystica Girls: Sim, quando nós terminarmos de editar o DVD a gente vai se concentrar em gravar algumas músicas, incluindo as canções Vida o Muerte, Angel Caido , Sin ti e etc.

Um ídolo do heavy metal – mundial ou local?
Mystica Girls: Pessoalmente acho que Jason Becker, é um grande exemplo a seguir não só na música, mas como uma pessoa é admirável a maneira como ele nos mostrou a sua vida e como nada o deteve, isso significa que não há nenhuma desculpa para não cumprir os nossos objetivos.

Vocês tem algum ritual antes dos shows?
Mystica Girls: Às vezes nós juntamos as mãos e gritamos iiiiiuuu!!

Maior inspiração para as letras…de onde vem?
Mystica Girls: Ela vem de onde eu acho que vem a inspiração a todos nós, simplesmente ele chega e quando chega não se deve ignorar, por isso sempre temos uma gravadora em mãos em caso de isso acontecer, e ao longo do empo essa ideia vai se desenvolvendo até terminar em um disco. Para Veronica foram dois anos de processo.

Mensagem da banda 

Agradecer por ler nossas palavras e esperamos ver vocês em um futuro em algum show em alguma parte do mundo. Obrigado!!

A Mystica Girls nas redes sociais
Facebook: @MysticaGirls
Twitter: @mystica_girls

*Gostaria de agradecer com imenso carinho à minha amiga Paula Elaine Alanoca Bitre que fez esse texto ser possível com suas traduções e boa vontade. Muito Obrigada! Um beijo de toda a equipe Line Rockers*

Deixe seu comentário

To Top